Portal RPJNEWS

MENU

Notícias / Policial

Brasileiro fugiu da penitenciária de Chesco, no estado americano da Pensilvânia

Danilo Sousa Cavalcante cumpria pena de prisão perpétua por ter matado a sua namorada,Débora Evangelista Brandão.

Brasileiro fugiu da penitenciária de Chesco, no estado americano da Pensilvânia
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O brasileiro Danilo Sousa Cavalcante, 34, condenado a prisão perpétua nos Estados Unidos por matar a facadas a ex-namorada, Débora Evangelista Brandão, escapou nesta quinta-feira (31) de um presídio da Pensilvânia, segundo a imprensa americana. De acordo com a CNN, ele fugiu de uma prisão no condado de Chester. A informação é atribuída a autoridades locais.

Cavalcante teria sido visto pela última vez por volta das 9h40 caminhando em uma estrada na cidade de Pocopson. O brasileiro é considerado um homem extremamente perigoso. É procurado por policiais do condado de Chester e pela Polícia Estadual da Pensilvânia.

Ele foi condenado no dia 16 de agosto pela morte da ex-namorada. O crime ocorreu em abril de 2021, em Phoenixville. A vítima tinha 34 anos e foi morta na frente dos dois filhos, com quem morava nos Estados Unidos. Ela era de Balsas, no Maranhão.

O crime teria ocorrido porque o brasileiro não aceitava o fim do relacionamento com Débora e a ameaçava. Segundo a NBC Philadelphia, a condenação não tem chance de liberdade condicional.

Cavalcante também é procurado por envolvimento em um assassinato ocorrido em 2017 em Tocantins. Ele é réu em um caso de homicídio em que um homem, Valter Júnior Moreira dos Reis, foi morto a tiros em uma praça em Figueirópolis. A defesa dele não foi localizada pela reportagem.

Governo americano oferece recompensará quem fornecer informações.

Comentários: