Portal RPJNEWS

MENU

Notícias / Policial

Família será acusada de homicídio por homem decapitado encontrado em Sapporo

A polícia planeja entregar um novo mandado de prisão a uma mulher e seus pais

Família será acusada de homicídio por homem decapitado encontrado em Sapporo
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A polícia planeja entregar um novo mandado de prisão a uma mulher e seus pais pela morte de um homem encontrado decapitado em Sapporo, norte do Japão, acusando-os de assassinato.

Runa Tamura, 29, seu pai, Osamu, um psiquiatra de 59 anos, e sua mãe, Hiroko, 60, foram presos pela primeira vez em julho sob suspeita de mutilar e abandonar um cadáver. Acredita-se que Runa tenha sido a única na cena do crime, mas a polícia suspeita que seus pais foram cúmplices. Eles devem ser presos pelas acusações de assassinato possivelmente na segunda-feira(14)disseram as fontes.

Hitoshi Ura, 62, foi encontrado decapitado em um hotel de Sapporo no distrito de entretenimento de Susukino em 2 de julho. A polícia posteriormente descobriu a cabeça decepada na residência de Tamura, suspeitando que ela foi removida após a morte.

Ura, um morador de Eniwa perto de Sapporo, deu entrada no hotel por volta das 22h50 do dia 1º de julho com um indivíduo que se acredita ser Runa. Ela foi vista saindo sozinha do hotel por volta das 2h do dia seguinte, segundo a polícia.

Runa e a vítima se conheceram em uma boate na área de Susukino no final de maio e tiveram alguns desentendimentos na época, disseram os investigadores.

Comentários: