Portal RPJNEWS

MENU

Notícias / Comunidade

Primeiro trem híbrido de hidrogênio do Japão é testado em kanagawa

Trem híbrido de hidrogênio do Japão, conhecido como Hybari, marca um avanço significativo na busca pela descarbonização das ferrovias

Primeiro trem híbrido de hidrogênio do Japão é testado em kanagawa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O teste do primeiro trem híbrido de hidrogênio do Japão, conhecido como Hybari, marca um avanço significativo na busca pela descarbonização das ferrovias. Aqui estão os principais pontos sobre o Hybari e suas implicações:

O trem Hybari é alimentado por eletricidade gerada a partir de hidrogênio, utilizando uma célula de combustível que reage o hidrogênio com o oxigênio, e também conta com baterias de armazenamento. Esta tecnologia permite que o trem funcione sem emitir dióxido de carbono, contribuindo para a redução das emissões de gases de efeito estufa.

Desenvolvido em parceria com a Toyota Motor Corp. e a Hitachi, o Hybari é parte dos esforços da East Japan Railway Co. (JR East) para descarbonizar as ferrovias. O objetivo é comercializar o trem até o ano fiscal de 2030.

O teste do Hybari realizado em 28 de fevereiro, na Linha JR Tsurumi, na província de Kanagawa, é um marco importante nesse processo. O trem está equipado com um tanque de hidrogênio e foi demonstrado à mídia durante a viagem entre as estações Tsurumi e Ogimachi.

Um desafio significativo para a implementação em larga escala do Hybari é aumentar o alcance dos trens, que atualmente está limitado a 140 quilômetros. No entanto, espera-se que o Hybari eventualmente substitua os trens a diesel que operam em linhas não eletrificadas, contribuindo para a redução das emissões em áreas onde a eletrificação não é viável.

Além do Hybari, outras iniciativas estão em andamento no Japão para descarbonizar os sistemas ferroviários, como o desenvolvimento de vagões que utilizam motores a hidrogênio em vez de motores a diesel, liderado pela Central Japan Railway Co. (JR Tokai).

Esses esforços indicam um compromisso sério do Japão em reduzir as emissões de carbono no setor de transporte ferroviário, utilizando tecnologias inovadoras e sustentáveis.

Fonte/Créditos: Da redação

Comentários: